quarta-feira, 28 de outubro de 2015


Em uma entrevista, David Goyer tenta justificar a morte de Zod pelas mãos do Superman em "Homem de Aço": 

“O modo como eu faço ou que Chris Nolan faz podem ser totalmente diferentes do que os fãs queriam. Afinal é necessário fazer aquilo que é certo para a história. Neste caso, tínhamos um Superman que começou a trabalhar há uma semana como herói. Ele não era o Superman que conhecemos na DC Comics ou mesmo em qualquer outro Superman que já existiu. Ele tinha voado pela primeira vez dias antes daquilo. Ele nunca tinha lutado com alguém com superpoderes antes. E não estava apenas lutando contra um ser com grandes poderes, mas um ser que foi treinado desde o nascimento, uma máquina de matar, que disse: ‘Eu nunca irei parar até destruir toda a humanidade’. Se você tirar o Superman disso, qual a maneira certa de contar a história? Eu acho que a forma certa é acabar com esse ser. A situação o forçou a matar, ainda que ele não quisesse, pois era o último da espécie dele. Pense na forma certa de contar a história, sem se ligar no Superman.”

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :