segunda-feira, 26 de outubro de 2015


Será que realmente Glenn morreu no episódio exibido ontem de The Walking Dead? O site The Hollywood Reporter garante que não! 

 No episódio “Thank You” (Obrigado a Você!), Nicholas (Michael Traynor) e Glenn (Steven Yeun) ficam encurralados em cima de uma lixão, cercados por Zumbis. Sem saída, Nicholas opta por atirar em si mesmo, não sem antes agradecer Glenn por ter lhe dado uma segunda chance de viver. Mas Gleen acaba sendo derrubado pelo peso do corpo morto e os dois caem em cima de um mar de zumbis.  A câmera mostra as estranhas de alguém sendo devoradas, sob os olhares de pânico de Glenn. 

De acordo com o THR, no entanto, é possível que o corpo consumido seja o de Nicholas e que Glenn esteja “protegido” com o sangue do colega morto – embora escapar daquela situação seja praticamente impossível; ou ainda é possível que Nicholas tenha tido um colapso mental e que todos os eventos mostrados sejam nada além da imaginação do personagem. Outro teoria feita por fãs. 

O site está confiante que Glenn está vivo porque, segundo suas fontes, Steven Yeun recentemente renovou seu contrato para continuar em The Walking Dead, indicando que sua morte no último episódio seria improvável. 

Além disso, a morte de Glenn na série pode ser considerada precoce, já que nos quadrinhos ele perde a vida nas mãos de Negan, o cruel líder de um grupo de sobreviventes, que será introduzido apenas no final da sexta temporada. 

 Só que devemos lembrar que a série The Walking Dead não segue os eventos dos quadrinhos. Andrea, por exemplo, foi surpreendentemente morta durante o final da terceira temporada, enquanto nas HQs a personagem se manteve viva.

Outro fato crítico do último episódio envolve Rick (Andrew Lincoln), que fere uma das mãos durante seu confronto com um zumbi e corre o risco de perder o membro – nos quadrinhos, ele teve a mão decepada pelo Governador. 

Ainda sobre a possível morte de Glenn, o showrunner de The Walking Dead, Scott M. Gimple, liberou um comunicado, já lido no programa The Talking Dead, para tentar esclarecer o controverso episódio.

 “Queridos fãs de The Walking Dead, essa é uma história difícil de contar e, quando planejamos contá-la, já sabíamos que nossos amigos do ‘Talking Dead’ estaria conversando sobre o assunto com vocês. E sei que todos vocês estariam comentando e se lamentando, por isso nós devemos dizer algo, para que nosso silêncio não seja interpretado de forma errada. Então vou dizer isso: de alguma forma, nós veremos Gleen de novo, alguma versão dele, ou partes de Gleen novamente, seja em flashback ou no presente, para completarmos sua história”.

De acordo com os sites The Spoiling Dead Fans e do fórum Spoil The Dead, que acompanham de perto as gravações da série em busca de spoilers, Steven Yeun teria sido visto diversas vezes após as filmagens do terceiro episódio.
O ator foi fotografado ou apareceu nas ordens do dia (cronograma diário de gravações que contém, entre outras informações, a lista de atores que devem comparecer ao set) nos episódios 7, 9 e 11. Alguns informantes alegam também tê-lo visto nos bastidores dos episódios 5, 8, 10, 12 e 14, porém não há evidência fotográfica ou documental dessas aparições.
Yeun foi visto pela última vez no set gravando nos arredores de um prédio no dia 23 de outubro, em uma cena que contou com a participação de Andrew Lincoln, Lauren Cohan, Melissa McBride, Sonequa Martin-Green e Norman Reedus, entre outros atores. Antes disso, ele também foi visto em uma cena gravada em Griffin no dia 20 de outubro, uma das principais locações externas da série.
Glenn aparece interagindo com personagens que ainda não foram apresentados na série, o que descarta a possibilidade de flashbacks aventada por Scott Gimple, quando disse que a participação de Glenn ainda não tinha terminado.
Por fim, os reais destinos de Glenn e Rick deverão ser esclarecidos no próximo episódio, que será estendido, com 90 minutos, e vai ao ar em 1º de novembro.

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :