sábado, 5 de novembro de 2016


Enquanto a Disney Marvel tem conseguido fazer rios de dinheiro com os mais obscuros personagens da editora no cinema, as constantes criticas e arrecadação abaixo do previsto tem feito com que os executivos da Warner trilhem o perigoso caminho de intromissão nas produções cinematográficas da DC, depredando suas próprias produções em uma corrida autofagica como ocorrerá com esquadrão suicida.

Nesse perigoso clima, o The Ringer conseguiu extrair do autor Bret Easton Ellis, responsável dentre outros por Psicopata Americano, e que acabou deixando escapar que um amigo seu, executivo da Warner, está preocupado com o caminho que The Batman, filme solo do Morcego escrito, dirigido e estrelado por Ben Affleck, está tomando.


“Eu estava jantando com esses meus amigos executivos, e um deles me disse que o roteiro tem sérios problemas. E ele estava irritadíssimo com o pessoal que trabalha na produção do filme do Batman, porque ele chegou a apontar esses problemas e esses executivos falaram ‘não importa, nossa audiência internacional vai ser enorme, as pessoas que vão ver esse filme em massa nem falam inglês’. O público internacional deixou os executivos mais folgado ainda, se você me perguntar”, disse Ellis.

A declaração acima caiu como uma bomba nos estádios da Warner e obviamente passou a ter uma repercussão absurda, principalmente por fatos semelhantes terem sido informado também das produções de Superman e Batman vs Superman.

Obvio que com todo o poder econômico e de mídia que o agora Estúdio da AT & T possui nao demorou muito para surgir um desmentido por parte do escritor, mas para todos que possuem um senso critico mínimo, fica claro NAS PALAVRAS DO ESCRITOR sua veracidade, mesmo que dita de forma inocente e sem medir as consequências, foi um desabafo de um importante nome do meio que realmente ficou impressionado com a reação dos executivos.
Talvez, o talentoso Ben Affleck e Geoff Johns que finalmente assumiu a função que lhe deveriam ter colocado na gênese do universo cinematográfico da DC/Warner, acabem tendo seu trabalho recortado pelo estúdio, praxe nas suas produções cinematográficas e mais um grande filme acabe miseravelmente transformado em produto descartável da warner.
Está ai a versão Cult de superman I e II de Richard Donner que nao nos deixa mentir

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :