terça-feira, 31 de janeiro de 2017


Não podemos negar que "O Exterminador do Futuro" foi um destes filmes que marcou época e que estabeleceu um novo padrão aos que foram realizados após ele. Também não podemos negar que após ter saído do controle de James Cameron a franquia começou a sofrer um certo declínio até chegar ao quase fatal "Exterminador do Futuro: Gênesis", que conseguiu a façanha de alterar o primeiro filme. 

Assim de não é de se admirar que com a possibilidade da franquia retornar ao controle de Cameron haja uma grande comoção entre os fãs e entra a crítica especializada, não esquecendo é claro dos órgãos de informação em especial os que tratam da 'sétima arte'. 

Mas a questão é: será que há como recuperar a popularidade da cine série? Será que ainda é possível fazer um filme relevante sobre o Exterminador em nossos dias? Segundo o diretor James Cameron é totalmente possível, conforme declarou em recente entrevista concedidas ao 'The Daily Beast'.

Ao ser perguntado sobre o que achava das sequências realizadas após seu trabalha original ter 'sido sequestrado', ele respondeu: ' Não foi sequestrado! Houve apenas alguns tropeços durante o caminho, enquanto tentava encontrar sua própria voz.' Referindo-se aí as continuações, e acrescentou: 'Houve apenas certo grau de perda de relevância, entende? Talvez, o que fosse bom lá atrás apenas cause bocejo agora.'

Cameron acrescentou: 'É fácil lembrar com carinho as coisas que iniciam uma franquia. É difícil manter uma franquia vigorosa e relevante. Eu não tive o controle da história desde Exterminador 2, e isto foi em 1991. Então quanto tempo da? 26 anos? Mas olha, acho que é possível contar uma grande história do Exterminador agora, e uma relevante. Vivemos em uma era digital e, em última instância, o Exterminador, se você parar para pensar, é sobre nossa relação com nossa própria tecnologia e como nossa tecnologia pode refletir de volta para nós - e no filme, se reflete literalmente, numa forma humana que é um inimigo e uma ameaça.'

Continuando ele diz: 'Mas também esses filmes, os dois que eu fiz, são sobre como nos desumanizamos. Sobre uma época em que as pessoas estão sendo absorvidas por seu mundo virtual-social, quero dizer, basta olhar ao redor! Eu sempre digo: se Exterminador foi sobre a guerra entre os seres humanos e as máquinas, olhe em torno em qualquer restaurante ou salão de aeroporto e me diga se as máquinas não ganharam; quando cada humano que você vê é escravizado por seus dispositivos eletrônicos. Então, você poderia fazer um filme Exterminador relevante agora? Absolutamente!'.

O filme mais recente da saga "O Exterminador do Futuro: Gênesis", se saiu mal na crítica e nas bilheterias, arrecadando apenas US$ 90 milhões no mercado interno (EUA) em 2015, mas se alguém pode reviver a fortuna da franquia no futuro, não acho que você apostaria contra James Cameron não é verdade? 
Os direitos sobre a franquia "O Exterminador do Futuro" deve retornar para Cameron em 2019......será que veremos um 'renascimento' da série? ....


"Você poderia fazer um filme relevante do Exterminador agora" - James Cameron

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :