terça-feira, 10 de janeiro de 2017



Park Jung-Hyun, o primeiro editor do mangá de Attack on Titan, foi preso nesta terça-feira, 10, pela Polícia Metropolitana de Tóquio. As autoridades acreditam que ele é responsável por assassinar sua própria esposa, segundo o Sankei Shumbun.

O incidente aconteceu no ano passado, em 9 de agosto, quando Park chamou o serviço de emergência, afirmando que sua esposa caiu da escada. Ela tinha apenas um machucado na cabeça, mas não exibia nenhum outro sinal de trauma físico.

No entanto, uma necropsia mais recente revelou que a causa da morte foi sufocamento por conta de uma pressão aplicada no pescoço. Park mudou sua história, afirmando que a esposa “cometeu suicídio ao se pendurar pelo corrimão” da escada.

Depois de editar Attack on Titan, mais recentemente Park trabalhou no mangá Weekly Morning.

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :