segunda-feira, 23 de janeiro de 2017


Pessoal, chegamos a parte 8!!! Dá para acreditar que já consideramos 17 séries nesta sequência de posts? Claro que não chegamos nem próximos do numero de séries canceladas anualmente, e consideramos somente séries que não sobreviveram às primeiras temporadas (algumas nem terminaram). Então, chega de papo e vamos relembrar mais duas, ou para quem ainda não viu, conhecer? Estas tem alguma semelhança, como poderá ser visto em suas sinopses. 

Começamos com 2008, a série: MY OWN WORST ENEMY (Meu pior inimigo) – ao contrário do que você possa estar pensando não estamos falando de Donald Tramp (desculpem foi difícil resistir a uma piada fácil). Estamos falando de uma série estrelada por Christian Slater (o Mr. Robot), que estava atravessando uma fase difícil em sua carreira (desempregado) e resolveu tentar a televisão. A série tem uma premissa interessante, que na verdade é uma pequena variação de “O Médico e o Monstro”> Nela acompanhamos dois personagens: Henry Spivey, trabalhador simples, de classe média, morador dos subúrbios, casado, tem dois filhos, um cachorro e uma van. E Edward Albrigth um eficiente agente que fala nove línguas e é treinado para matar. Albright trabalha na Janus Headquarters para Mavis Heller, uma mulher firme e extremamente inteligente. Não poderia haver duas pessoas tão diferentes entre si, se não fosse um pequeno detalhe: eles dividem o mesmo corpo! Isto porque anos antes Henry concordou em participar de um experimento que dividiria sua personalidade, na teoria seria a melhor forma de “esconder” o agente. Acontece que um dia Henry começa a receber e-mails de Edward avisando-o que tanto ele próprio quanto sua família corriam perigo de vida. A partir de então as coisas se complicam, pois as personalidades acabam se manifestando em momentos inapropriados. A série teve 13 episódios programados, mas “contraiu óbito” no nono capitulo. Pessoalmente acho que ela devia ser mesmo cancelada, porque a situação em si não convencia e mesmo Christian Slater parecia não se adequar ao papel.............

Passamos agora para 2013, a série: DO NOT HARM (Não faça o mal) – 2013. O ator Steven Pasquale (andou aparecendo em American Crime History e The Good Wife) estrela esta série que se baseia claramente em “O Médico e o Monstro”. Conta a história do Doutor Jason Cole, respeitado neurocirurgião que tem tudo na vida: uma carreira lucrativa, confiança em seu charme e o dom da compaixão. Mas (olha o "mas" ai!) também guarda um segredo sinistro. Certa manha acorda num hotel cercado de mulheres nuas (reclamando do que? Podia ser pior.....) e num quarto destruído. Ele não sabe como foi parar ali, mas sabe que seu pequeno “problema” voltou, um distúrbio de personalidade. Jackyll e Hyde, o bem e o mal, habitando o mesmo corpo. A história pareceu interessante? Bem, só para você. A série bateu um recorde: A PIOR AUDIÊNCIA DE TODOS OS TEMPOS NO CANAL. Por esta razão no segundo episódio foi abatida sem piedade, os demais 11 episódios não foram exibidos. Assisti aos dois episódios e concordo com os americanos, a história não tinha apelo (ou o ator não tinha), assisti ao segundo para ver se seria melhor que o piloto. Mas foi em vão, por isto digo: já foi tarde.....

Leia também:

Texto: Paulo Cirino
CONVITE!
Se você aprecia este tipo de postagem, lhe convido a se juntar ao nosso GRUPO no facebook que é dedicado a compartilhar curiosidades e imagens do passado antigo ou mesmo mais recente, desde que sejam curiosas e que nos tragam boas memórias.
 JUNTE-SE A NÓS: MEMÓRIA NERD 

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :