sexta-feira, 3 de março de 2017

Tim Kring era um ilustre desconhecido até que em 2006 ele apareceu com uma série que se tornou um fenômeno em sua primeira temporada: ‘HEROES’. Depois disto também ficamos sabendo que Tim Kring era o cara que por pura teimosia, acaboria com o fenômeno que ele próprio criou. Isto porque ele se recusava a dar o que o publico ansiava: um verdadeiro combate entre Sylar e os demais heróis da série.

Depois de ‘Heroes', Kring veio com ‘Touch’ (boa série com Kiefer Sutherland), ‘DIG’ (que não durou), ‘Heroes Reborn’ (onde ele cometeu o mesmo erro da serie original). Sua série mais longa foi “Crossing Jordan”. Bem agora ele esta produzindo: “BEYOND", uma série que esta sendo anunciada erroneamente em alguns blogs e sites como “uma série de super-heróis”. Bem não foi o que eu vi!

Mas que série é esta que não ouvi falar? Bem, eu sempre achei que fosse a FOX que não divulgava suas séries, mas agora parece que temos de incluir o ‘Freeform’ nesta lista de canais que falham neste aspecto. Talvez a falta de divulgação aqui no Brasil seja por não ter alguma distribuidora ou algum canal que tenha se interessado no seriado.

A história acompanha um jovem chamado Holden (Burkley Duffield) que ao tentar ajudar seu melhor amigo ameaçado por seu próprio irmão, acaba por sofrer um pequeno acidente e fica em coma por 12 anos! Porém o coma não tem a ver com o acidente em si. Na verdade após o acidente há uma cena saída diretamente do seriado “Arquivo X” que os fãs reconhecerão.

Willa e Holden
A historia da um ‘salto’ e agora acompanhamos Holden no hospital ao despertar do coma. Naturalmente para o jovem todo o mundo a sua volta é estranho e agora precisa se readaptar a vida normal. Mas, aparentemente não vai ser fácil. Seu irmão mais novo é um desconhecido para ele, seus pais agem de forma super protetora e um tanto estranha. Ele tem estranhos sonhos onde vê um homem avisando-o de que ‘eles’ estão chegando (invariavelmente ele acorda na floresta, no local do acidente).

Na tentativa de se readaptar ele começa a andar pela cidade revendo os ‘velhos’ lugares é quando ele acaba ‘tropeçando’ numa garota chamada Willa, que o avisa sobre ‘não confiar em ninguém’ e que ele ‘estaria em perigo’.
Super poderes em ação!
É quando Holden resolve procurar aquele que era seu melhor amigo Kevin (Jordan Calloway) aquele do acidente, e que agora é um terapeuta, e é justamente neste encontro que Holden descobre que ele retornou com algo á mais! Ele retornou com superpoderes (um deles é o mais comum em series, a telecinese. Outro é a pirotecnia)!!

Agora as questões levantadas são as seguintes: como ele conseguiu estes poderes? Qual o papel de Willa em tudo isto? Quem é o homem que Holden vive vendo em visões e sonhos? Qual a participação de Kevin em tudo isto? E principalmente quem são as pessoas que estão ‘atrás’ dele?

Um semana após a estreia a série já foi renovada, surpreendendo elenco e produtores. Isto pode ser um bom sinal, não é verdade?

O que achamos?


A série é interessante e consegue prender sua atenção, mas tende a se desenrolar dando ênfase ao romance. Quando se junta elenco jovem e de boa aparência normalmente é este o caminho seguido. Mas la pelo terceiro episódio a série da sinais de que mostrara mais coisas do que apenas um romance com super poderes. Percebemos pelo que o velho fala a Willa e por seus avisos nos sonhos de Holden, que algum tipo de conflito se aproxima. Com a segunda temporada garantida, as subtramas e a mitologia central já podem ter um melhor desenvolvimento. 


Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :