quinta-feira, 9 de março de 2017


Segundo a Variety, que disse que assistir os dois primeiros episódios foi um verdadeiro desafio. Screen Rant e Polygon disseram que a trama é tediosa e pouco inspirada, cenas de ação mal executadas, má representação da cultura asiática e péssimo roteiro.

E segundo eles, o problema é com o ritmo da série, sendo extremamente lenta, ainda mais que se trata de um personagem ligado às artes marciais. 

Segundo o THR:"Com Os Defensores batendo em nossas partes em poucos meses, um desapontamento como esse em Punho de Ferro não poderia vir em pior hora para a Marvel e a Netflix."

Segundo a Variety: "É o exemplo mais feroz de como a Netflix consegue ter problemas com ritmo em suas séries. Leva uma eternidade para algo acontecer em Punho de Ferro. Até mesmo o design de produção e a fotografia são muito abaixo do esperado."

Para encerrar esse post desanimador, a Netflix divulgou um novo featurette da série Punho de Ferro para homenagear a personagem de Jessica Henwick, Colleen Wing, neste Dia Internacional da Mulher. Confira o vídeo, em português, mais abaixo.
Colleen é a instrutora de artes marciais do herói titular, que não leva desaforo para casa e tem um passado misterioso.
Na nova série da Marvel/Netflix, Danny Rand (Finn Jones) retorna à Nova York após anos desaparecido e passa a lutar contra o crime e a corrupção com suas incríveis técnicas de kung-fu e o poder de convocar as habilidades do temível Punho de Ferro.
Punho de Ferro estreia em 17 de março deste ano, com 13 episódios iniciais.
No mesmo ano, Luke Cage, Punho de Ferro, Demolidor e Jessica Jones vão se reunir em Os Defensores, uma versão em escala menor de Os Vingadores.

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :