sábado, 6 de maio de 2017

Ah, o cinema! Numa época de crise na criatividade uma solução é fazer versões de filmes antigos, geralmente mudando-se a raça, o gênero ou a idade do protagonista original; outra solução seria fazer uma versão de um filme de sucesso trocando-se o sexo do protagonista.

Não é algo novo no cinema, já há algum tempo este artifício tem sido usado. Exemplos recentes de filmes de ação protagonizados por mulheres são: “Atômica” com Charlize Theron (estreia em julho); com Halle Barry teremos “Sequestro” e a Amblin Entertainment esta desenvolvendo “Highway One”.

Pierre Morel - diretor
Naturalmente com o grande sucesso de “De Volta ao Jogo” era só questão de tempo termos seus ‘derivados’. Assim a Lakeshore Entertainment adquiriu os direitos de “Peppermint” um projeto de filme de ação centrado num personagem feminino, que terá na direção Pierre Morel que dirigiu “Busca Implacável” estrelado por Liam Neeson.

“Peppermint” conta a história de vingança de uma jovem mãe que após uma grande perda (ao que parece mais do que um cachorro) não tem mais nada a perder. E sai em perseguição às pessoas que lhe tiraram algo importante e acabaram com sua vida. Um roteiro clássico e já utilizado várias vezes.

Como se não bastasse terem chamado o diretor de “Perseguição Implacável” o co-escritor do roteiro é Chad St John, responsável por “Invasão à Londres” estrelado por Gerard Butler, o objetivo claro é que o filme seja um thriller de ação rápida e fácil de fazer sucesso.

O projeto esta sendo descrito como “uma versão feminina de John Wick”, uma referência direta a cine série “De Volta ao Jogo” estrelado por Keanu Reeves.  Para um bom entendedor isto significa que a Lakeshore espera ter em suas mãos mais uma personagem de sucesso para quem sabe produzir uma franquia.


A Lakeshore já tem alguma experiência com personagens femininas, pois foi ela quem lançou a cine série “Underwold” cuja personagem principal era Kate Beckinsale...

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :