quinta-feira, 22 de junho de 2017

Após o fracasso retumbante de Quarteto Fantástico, a 20th Century Fox voltou a trabalhar em um projeto da “primeira família” da Marvel Comics. Desta vez, será um filme destinado ao público infanto-juvenil.
Criados por Stan Lee e Jack Kirby em 1961, o Quarteto Fantástico foi a primeira obra moderna da Marvel Comics, abrindo espaço para tudo o que veio depois, e foi uma das revistas mais importantes dos anos 1960, embora jamais conseguiu manter o mesmo pique depois, chegando ao ponto de sequer ser publicada pela editora nos dias de hoje. Ainda assim, o grupo foi adaptado aos cinemas em 2005 e até ganhou uma sequência dois anos depois, contudo, ambos foram mal recebidos por público e crítica.
A Fox tentou de novo e em 2015 lançou um reboot, mas o resultado foi ainda pior! O diretor Josh Trank (de Poder Sem Limites) teve um surto de estrelismo durante a produção e criou um grande atrito com o elenco e o estúdio, chegando até a destruir a casa que a Fox alugou para ele se hospedar durante as filmagens. Como resultado, Trank foi demitido e teve sua carreira em Hollywood arruinada (ele estava cotado para dirigir Venom, o vilão do Homem-Aranha, para a Sony, e o filme solo de Han Solo de Star Wars para a LucasFilm). O Quarteto Fantásticoterminou sendo finalizado por outros produtores – presumivelmente, Mathew Vaughn (de X-Men – Primeira Classe e Kingsmen – O Serviço Secreto), mas o resultado ainda foi confuso e desconjuntado. O fracasso de crítica e público foi total!
Mas a Fox tem que produzir novos filmes, senão, perde os direitos de adaptação ao cinema, que reverteriam para a Marvel. Então, segundo o Bleeding Cool, o estúdio contratou o roteirista Seth Grahame-Smith para criar um roteiro para Quarteto Fantástico, mas agora direcionado ao público infanto-juvenil. Basicamente, a Fox quer algo no estilo de Os Incríveis – que efetivamente tem muito da equipe fantástica como inspiração – e que a história seja contada pelos olhos dos filhos do casal Reed Richards e Sue Storm, Franklin e Victoria.
E aí, você acha que vai funcionar?

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :