terça-feira, 29 de agosto de 2017



No principio dos tempos nada existia, nem a terra, nem o sol, nem mesmo as estrelas. Tudo não passava de um grande abismo sem fim.

Com o passar dos séculos, do nada surgiram dois mundos de naturezas opostas. Ao norte surgiu "Niffleheim" e em seu centro jazia a nascente dos doze rios gelados.


 

Ao sul situava-se a terra do fogo eterno, conhecida como "Muspellheim", nela fluíam rios incandescentes que iluminavam o vácuo.



Ambos os rios acabaram se chocando, causando um cataclisma de proporções épicas. 



Tempos depois, os ventos quentes do sul começaram a derreter as montanhas geladas, dando condições para que surgisse a primeira forma de vida...




Ymir, o gigante de gelo.



De Ymir foi concebida a "Vaca Audumbla", cujo leite fornecia alimento para o gigantesco ser. Durante eras e eras o gigante e o animal vagaram pelas terras congeladas.


Certa vez "Audumbla" começou a lamber vagarosamente o gelo e acidentalmente encontrou "Buri", preste bem atenção neste nome, pois todos que irão sucede-lo, serão Deuses.

Buri cresceu e desposou uma mulher, com ela ele teve um filho a quem deu o nome de "Borr".

Anos mais tarde Borr casou-se com uma das filhas dos gigantes e desta união nasceram os Deuses Aesires, cujos nomes eram...

Ve, Vili e Odin.


O futuro "Pai de todos" liderou seus dois irmãos em uma guerra contra Ymir, que pereceu pela espada de Odin, conseguindo assim, o primeiro triunfo do bem contra o mal.


O sangue azulado do monstro inundou toda região, afogando quase todos os gigantes. Usando o volumoso corpo do gigante, Odin e seus irmãos criaram "Midgard", que na língua escandinava significa "A Morada Intermediária", nós humanos a chamamos de "Terra".



Usando o crânio de Ymir, os três Deuses criaram uma abóbada celeste, que deu origem ao sol, a lua e as estrelas.

Em Midgard os novos Deuses criaram "Yggdrasill" a arvore mística que protegeria o planeta, enquanto este, aguardava a chegada do homem.

Gostou? Curta nossa fanpage!

0 comentários :